Familiaridade

Tenho que sair com os tugas mais vezes – para além de eu gostar genuinamente da companhia deles, passar uma noite a falar português alivia um pouco as saudades de Portugal… A familiaridade é uma cena lixada: como uma droga que o corpo pede e definha se não tem mas eu não consigo bem definir o que me faz falta até o ter.

Anúncios
Esta entrada foi publicada em Uncategorized com as etiquetas . ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s